23 de ago de 2013

Terceira Fase (1970-1980)

Neste mês apresentamos a penúltima fase da carreira de Daniel Freire. Um período muito produtivo e de apurado senso estético, o amadurecimento da proposta artística. Nesta fase há uma clara predileção pelas paisagens e a ênfase das telas com elementos paranaenses. 
Há uma continuidade e um refinamento na pintura de retratos, mas o foco do período são as paisagens e naturezas morta. Telas que retratam o cotidiano da cidade de Curitiba e seus rápido desenvolvimento urbano. É também a fase de maior destaque do artista para o grande público, os registros das exposições desta época evidenciam estas participações, contabilizando mais de vinte exposições na década. Daniel Freire participou de diversos salões, exposições individuais e coletivas no Paraná neste período de tempo. É também o momento onde ele se voltou às aulas em seu primeiro atelier, situado no Centro histórico de Curitiba formando suas turmas que o acompanhariam até seu falecimento nos anos 2000.
Convido-os a conhecerem um pouco mais do universo desta fase, aqui no blog, na sessão Acervo.

Cordialmente,
Luiza Freire.
(curadora)

(óleo sobre tela)

(óleo sobre tela)

(cerâmica)